quarta-feira, 24 de outubro de 2012

MOMENTO DE PAUSA


Meus queridos(as) amigos(as), darei uma pausa nas postagens em meus Blogs, por tempo ainda  indeterminado, até minha inspiração voltar e para recarregar minhas ‘baterias”. Eventualmente,  mais adiante, eu volte a  postar, sempre que minha inspiração me acompanhar, mas não mais com a regularidade de antes. Deixo a porta entreaberta...
Me encontrarão no e-mail,  um pouco no meu  Facebook pessoal e na minha Página Encanto Em Palavras. Isso não é uma despedida, amo tê-los na minha vida e quero estar em contato com vocês, seja da forma que for.

Tenho sentido em mim,
física e espiritualmente
uma necessidade muito grande,
algo que me chama
a estar mais em contato com a natureza,
sentindo a brisa  passando pelo meu corpo,
 os perfumes das flores...
vontade de cuidar das plantas,
cultivar jardim, ouvir passarinhos,
sentir o calor aconchegante
do Sol a me abraçar,
olhar estrelas, conversar com a Lua,
enfim, sorver a VIDA!
Os tenho em meu coração, sempre...
Não se esqueçam de mim,
pois, de repente eu volto...

ValériaC

Beijos, a gente se fala, viu?

Imagem: Google

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

QUEM SABE... (de ValériaC)


Imagem: Google

QUEM SABE... (de ValériaC)


Há coisas minhas
que desconfio
que tu nunca irás saber...
Talvez possa levar tanto tempo
para que possas perceber...
Quisera eu,
que não fosse tarde demais
Ou quiçá, jamais...
e eu acabe por levar
 tudo comigo para o além...
Quem sabe um dia destes
te dás conta
que sempre te amei...
mesmo tendo
matado tantas vezes
tudo o que sempre
 por ti, senti...
 Ah! Amor teimoso,
 como bulbo,
que vez ou outra brotava,
bravamente renascia,
alimentado por migalhas,
 banhado por mirrado
 orvalho de esperança...
E a flor voltava,
noutras, novamente ressequia,
parece que morria,
mas no fundo,
só adormecia...
Quem sabe de repente acordas
 e te dás conta que fui,
 sou e sempre serei
aquela flor que se deu,
apesar de todas as vezes
que floresci
e me despetalei por ti...


ValériaC (em 23/08/12)



*Este poema é somente uma inspiração, mas creio que é uma situação que muitos de nós em um dado momento,  já tenha vivido algo similar a isto.

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Teus olhos...(de ValériaC)


Imagem: Google



*Esta é  minha primeira tentativa em fazer um Mindim, não sei se está certo, mas valeu a tentativa. Eu vim a conhecer esta modalidade de poema no  post da minha amiga, que escreve lindos haikais, a  Elisa, aqui http://pintandohaikai.blogspot.com.br/2012/08/mindim.html e depois fui ver mais detalhes  no blog de quem criou os Mindins, que é a talentosíssima Luna Di Primo, quem quiser conferir e aprender sobre Mindins é aqui neste post http://mindimlunadiprimo.blogspot.com.br/p/tira-duvidas.html e também http://mindimlunadiprimo.blogspot.com.br/

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

PURO ENCANTO (de ValériaC)


Imagem: Google

PURO ENCANTO (de ValériaC)


Puro encanto...será o dia
que eu puder olhar teus olhos
sem disfarçar o meu desejo...
Que eu puder tocar tua pele,
sentir teu corpo
e me entregar ao desejo...
Quando eu puder
dizer que te amo
e te ouvir dizer:
- Desde que te vi...
 “eu te amei”...


ValériaC (em 16/07/12)

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

E DAI? (de ValériaC)


Imagem: Google 

E DAI?  (de ValériaC)


E dai?
Se gosto de ficar te olhando,
se as minhas mãos
ficam querendo
tocar as ondas dos teus cabelos...
Se os meus olhos insistem
em encontrar os teus
e me perder em teu céu...
Se a minha boca quer a tua,
descobrir teu gosto...
Se o meu desejo
quer teu corpo inteiro...
E dai?
Se quero ir além da fantasia,
se te desejo de verdade...
 Isso só diz respeito a ti e a mim,
em tornar o sonho, realidade...


ValériaC (em 09/08/12 / 15:57hs)

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

MULTIDIMENSIONAL (de ValériaC)


Imagem: Google

MULTIDIMENSIONAL (de ValériaC)


Sou livre
como o pássaro
que alto voa...
sigo minha intuição...
Sou como o fluir da água,
aprendi a  me moldar...
Sou como ar,
às vezes torno-me furação,
às vezes, brisa mansa
e quando quero
sei ser  perfume
pelo vento a espalhar...
Vivo a minha verdade,
sabendo que sou
 um pouco de tudo
e nisto torno-me um todo...
Sou como sou,
 cidadã do Universo,
 multidimensional,
imprevisível,
intempestiva, sensata,
puro sorriso,
lágrima e emoção...
palavras e silêncios...
essência de alma  e coração...


ValériaC

terça-feira, 10 de julho de 2012

ILUSÃO... (de ValériaC)


Imagem: Google

ILUSÃO... (de ValériaC)


Teus olhos
atraem os meus
para um encontro
de olhares,
tocam-se,  mar e mel...
Tua boca
chama pela minha
querendo descobrir
o sabor do  beijo....
Teu corpo, convite,
para dança do amor...
Puro desejo,
fascínio, loucura,
encanto e sedução
doce tortura...
Na minha mente,
silenciosamente
soletro teu nome,
mas na  minha alma,
pressinto
que chamas:
Ilusão...


ValériaC (em 06/07/12)

terça-feira, 3 de julho de 2012

SEMPRE AQUI... (de ValériaC)


Imagem: Google

SEMPRE AQUI... (de ValériaC)


E de repente...
bateu uma saudade...
de ti, de estar contigo,
olhando teu olhar
adorando teu sorriso,
sendo envolvida
no encanto terno
dos teus braços...
Saudade de te encher de beijos,
de sentir o teu desejo,
despertar o meu desejo...
de dizer e ouvir
palavras de amor,
toques suaves de almas
que se querem desde sempre,
que estarão unidas
pelo correr da eternidade...
Na verdade não há motivo
para saudade,
é mais uma vontade
de estar contigo
a cada instante ,
pela infinitude
das nossas essências...
de sempre lembrar
que estou em ti
assim como
estás em mim...
para que  saibas
que te quero
sempre aqui...


ValériaC 

segunda-feira, 25 de junho de 2012

PRIMAVERA EM FLOR... ( de ValériaC)


Imagem: Google

PRIMAVERA EM FLOR... ( de ValériaC)


Lá fora o vento sopra,
como num final de outono,
quase congela o corpo,
parece  a pele cortar,
 anunciando o frio
inverno a chegar...
Mas, aqui dentro, há calma,
coração transborda alegria,
salpica de sorrisos, a alma...
Sua presença, seu beijo,
seu olhar extasia...
Em nós dois
é verão,
pleno de paixão,
é primavera em flor...
é infinitude
de sintonia e amor...


ValériaC (02/09/11)

segunda-feira, 18 de junho de 2012

ESPEREI... (de ValériaC)


Imagem: Google 

ESPEREI... (de ValériaC)


Ah! Por quanto tempo te esperei...
Esperei pelo teu olhar
ternamente a me fitar,
como a ultima, única para ti...
Pelo teu sorriso,
feliz comigo e contigo...
Pelo teu beijo,
trazendo o sabor
da paixão, do desejo...
Esperei que suas palavras
se tornassem docemente
uma declaração de amor...
Esperei pelo momento
do encontro,
mas só o desencontro restou...
O momento foi perdido,
o sentimento  não aconteceu,
deixou meu coração combalido,
 envolto na  sepulcral
bruma do teu silêncio,
 prostrou-se perdido,
diante do teu adeus,  sem palavras......
Saiu da minha vida
como poeira que o vento leva,
que a chuva lava...
Por tanto tempo chorei
 pelo beijo não dado,
pelos teus braços fortes,
que não enlaçaram meu corpo,
pelo toque a excitar que não houve,
pelo amor que não foi feito...
Te quis como a mais ninguém
mas tudo de fantasia não passou...
Sonhei contigo, por tanto tempo...
 sonho este que foi quebrantado,
nenhum do dois teve coragem,
acreditou na possibilidade
deste sonho ser muito além de miragem...
E depois de tantas águas rolarem
nos rios do meu coração
sem alcançar o teu mar,
pedi ao céu para esse amor evaporar,
tornar-se nuvem e  vez ou outra
no chão em gotas,  desaguar...
Então, cada vez que do céu
a chuva mansa cair,
saiba que é um pouco
do amor que por ti senti
e se me permitir,
a tua pele vai tocar
e quem sabe vai te fazer
de alguma forma, de mim, se lembrar...



ValériaC (em 05/06/12)


*Este poema é somente uma inspiração poética, retrata algo que no cotidiano muito vemos acontecer, do amor que muitas vezes se perde, a paixão que não tem coragem de ir além, por medo, insegurança, quando o crer no impossível fala mais alto e nada pode acontecer, se não cremos de fato que é possível de acontecer.

segunda-feira, 11 de junho de 2012

POSSO... (de ValériaC)


Imagem: Google 

POSSO... (de ValériaC)


Posso passar horas
só olhando os teus olhos,
navegando no azul
dos teus mares...
Olhando-te,
num infindável
seduzir, sendo seduzida,
como o vai e vem das ondas,
no acarinhar  suave
do mar pela areia...
Admirando-te
a cada  marca
de expressão,
do tempo,
a cada fio de cabelo,
perdendo-me no encanto
da tua luz, da tua presença,
no som da tua voz,
do teu sorriso,
no calor do teu corpo,
no sabor dos teus beijos,
na magia que inebria,
traz vida aos meus dias
faz-me  mais feliz ainda...
Posso passar a vida contigo
vivendo o nosso amor
com sublime ternura e  verdade...
aqui, agora
e pela eternidade...


ValériaC (em 10/06/12)

segunda-feira, 4 de junho de 2012

E TU... (de ValériaC)


Imagem: Google

E TU... (de ValériaC)


E tu... chegas a mim
das  mais doces formas...
Vens na brisa que me toca,
levemente balança meus cabelos...
Vens no canto do pássaro,
que logo cedo vem me fazer serenata...
Vens no perfume da flor,
que viaja nos ares só para me seduzir...
Vens nos poemas que “acaso” leio,
que me encantam, me levam às lágrimas
de alegria e emoção...
E de todos os jeitos
sabes tocar como ninguém,
o meu coração...
nas pequenas  “ausências”,
na sempre  presença,
na fala, no silêncio,
no toque, no encanto
de cada momento...
Vens no som de cada música romântica...
Sabes estar em mim constantemente
em cada pedacinho do meu corpo,
és dono absoluto do meu coração,
companheiro eterno da minha alma...


ValériaC (em 01/06/12)

segunda-feira, 28 de maio de 2012

MOMENTO PERFEITO (de ValériaC)


Imagem: Google

MOMENTO PERFEITO (de ValériaC)


Quando estou contigo,
mais que um roçar de peles,
são essências que se tocam...
Mais do que beijos,
são lábios que emanam
 doces energias...
É momento perfeito
e  na  magia do sublime silencio,
palavras se calam,
olhares se falam,
se entendem com perfeição,
a linguagem da alma, o sussurrar
 que ecoa dos nossos corações...


ValériaC 

segunda-feira, 21 de maio de 2012

TUA ESSÊNCIA (de ValériaC)


Imagem: Google

TUA ESSÊNCIA (de ValériaC)


Beleza...fugaz...
sempre relativa,
efêmera, quando exterior,
eterna, quando interior...
Olho teus olhos, tua boca,
teus cabelos, teu corpo...
és aparência
que aprecio, mas não venero...
Sei que é passageiro, casual...
O que em ti, amo,
vai muito além...
Amo teu espírito,
teu coração, o invisível
que habita dentro de ti...
por este sou encantada,
completamente  enamorada...
É tua essência
que em  meu etéreo coração,
eternamente faz  morada...



ValériaC

segunda-feira, 14 de maio de 2012

CONFESSO... (de ValériaC)


Imagem: daqui

CONFESSO... (de ValériaC)


Saiu da minha vida
como se jamais em algum dia
tivesse feito parte dela...
Foi embora, desapareceu
como perfume barato 
que na pele pouco se fixou...
como ladrão que rouba
sorrateiro, sai as escondidas...
Foi como chuva de verão
que vem junto com o Sol,
 evaporou, nem vestígios
dos respingos ficou...
Foi como vento forte
que agitou meus cabelos,
sacudiu alma, coração
mas que passou...
Sequer levou um pouco
da doçura,  do carinho,
do amor que te ofertei...
Foi embora como falso
garimpeiro
que não distingue ouro
de ouro de tolo,
jamais foi capaz
de ver o amor que lhe tinha,
fui só um objeto
para  sua vaidade brincar....
Cego,  não percebeu
 que uma pedra preciosa,
perdeu,
joia rara, que não se encontra
a cada esquina...
Confesso...muito tempo sofri
com a sua partida,
mas hoje, pelo mesmo motivo, percebi,
sou muito mais feliz na minha vida...


ValériaC


*este poema é somente uma inspiração poética, foge um pouco do que prefiro escrever,  mas sei que este tipo de situação quase todos nós em algum tempo pode ter vivido e muito aprendido e  o postei porque o vejo como nossa capacidade de fortalecimento e  superação diante de tudo na vida.

segunda-feira, 7 de maio de 2012

ALEGRIA E AMOR (de ValériaC)

Imagem: daqui

ALEGRIA E AMOR


De jeito algum
faço apologia
à  dor e à tristeza...
Se tiver que fazer,
faço sim
do sorriso e da alegria...
Nem  faço da paixão,
 da sensualidade
desenfreada,
mas, eternamente faço
e levanto a bandeira
da alquimia
da pureza,
da sublimidade,
da incondicionalidade
do Amor...


ValériaC 

segunda-feira, 30 de abril de 2012

EM NÓS (de ValériaC)


Imagem: daqui


EM NÓS


Em nós, o amor
 vai além da materialidade
da dimensão...
É todo coração,
é pura  incondicionalidade,
amor de almas,
imensurável
totalmente sem medidas...
indizível,
palavras não o definem...
irretocável,
de uma perfeição única...
indelével
nada o pode apagar...
eterno,
sempre existiu,
sempre em nós vai estar...


ValériaC

segunda-feira, 23 de abril de 2012

ESCOLHER (de ValériaC)


Imagem: daqui 

ESCOLHER


Tudo está contido em nós,
desde o ínfimo grão de areia
à  imensidão do Cosmos...
Somos parte do que Tudo É,
e  Ele  habita nosso ser,
somos divinos também...
Dentro de nós está o poder
de nos prender
ou nos libertar...
Podemos a  tudo escolher,
chorar, desesperar,
sorrir, ser feliz, cantar...
Podemos odiar, mágoa reter,
 perdoar, amar,
ter leveza no ser...
É preciso despertar,
conscientemente escolher
o que queremos viver,
como podemos vibrar,
criando acordes desconexos
ou sublimes melodias a ecoar...


ValériaC 

segunda-feira, 16 de abril de 2012

BAILAMOS... (de ValériaC)


Imagem: daqui

BAILAMOS... 


Num chão infinito
de estrelas,
bailamos...
Tu és melodia,
eu, letra...
juntos compomos
doce e delicadamente
a  sinfonia
do nosso  amor...
num  ecoar
pela multidimensionalidade
do cosmos...
irradiando luz,
amor incondicional,
serenidade,
alegria
a cada passo
a cada giro...


ValériaC 

segunda-feira, 9 de abril de 2012

SEMPRE...ETERNO... (de ValériaC)

Imagem: daqui

SEMPRE...ETERNO...


O tempo, grande ilusão

que temos, passa ligeiro

nesta dimensão...

Mas no agora,

encontro a certeza

que nosso amor

é maior do que ‘ontem’,

mais do que todo

o ‘aparente’ tempo passado...

muito além do espaço,

das dimensões do universo...

Nosso amor infindo

se faz amor tranquilo,

é de pura paz, ternura,

faz leve a alma,

faz música em nosso coração...

É amor que se renova

a cada instante,

a cada novo agora

e assim será

no infinito contido

em cada momento presente,

num sempre... eterno...


ValériaC (em 27/03/12)



Vídeo: daqui

quarta-feira, 21 de março de 2012

VOU... (de ValériaC)

Imagem: daqui

VOU...


E no sabor do vento,

vou me deixar levar...

pelo momento,

pelo nosso mútuo entregar...

Vou me fazer brisa suave

à tua pele tocar,

em teu peito,

descansar...

Vou ser perfume

e um pouco de mim

em tua pele, fixar...

Vou ser luz, vou ser Sol

aquecer teu corpo e alma,

vou ser tua mulher,

amiga, amante,

contigo fazer par...

e pela infinitude

juntos, viveremos a nos amar...


ValériaC

segunda-feira, 12 de março de 2012

SOU COMO SOU (de ValériaC)

Imagem: daqui

SOU COMO SOU*


Sou um pouco de tudo,

afinal, sou mulher,

caleidoscópica,

às vezes monocromática,

às vezes todas as cores,

sensível, ponderada, intensa,

às vezes chorona, noutras, piadista,

falante, calada...

Não sou de um único jeito,

sou como as estações do ano,

só que às vezes todas no mesmo dia...

Sou flor, mas sei que há momentos

que sou espinho,

sou a leveza no voar da borboleta,

às vezes, nuvem carregada...

Sou Sol, sou Lua,

sou o frescor da chuva

ou a força da tempestade.

Sou além da dualidade...

Sou como sou, enfim,

aprendi a seguir o meu coração...


ValériaC



* Este poema livre é parte de um texto meu que está AQUI , em meu outro Blog, no post: "PRA QUEM QUISER SABER DE MIM..." , de 12/03/12, quem quiser ler...

segunda-feira, 5 de março de 2012

DOCE PAR (de ValériaC)

Imagem: daqui

DOCE PAR (de ValériaC)


Amar-te é viver a plenitude,

é libertar e ser livre, é magia,

simultaneamente, eterna completude...


Compartilhar a vida contigo

é lição de vida, é alegria,

és meu amado e meu amigo...


E na infinitude somos um doce par,


nos amando pelo universo a bailar...


ValériaC (em 04/03/12)


*meu primeiro Indriso

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

EU SOU... (de ValériaC)

Imagem: daqui

EU SOU...


No encanto do silêncio

em meu interior permaneço

e entro em contato

com minha essência.

Sublime momento

que sinto estar

com meu espírito fundida...

vou harmonizando todo o meu ser,

sinto-me em paz absoluta,

sinto-me tal qual

lago cristalino,

manso, fresco,

divino...

onde a brisa leve

toca a superfície das águas,

espalhando os mais suaves

perfumes do meu ser,

na forma de raios

de luzes multicoloridas

e de incondicional amor

que se expandem

e circulam,

me rodeiam e

se espalham pelo mundo...

Sinto-me em sintonia

com o Universo,

onde nada preciso fazer ou falar,

ligo-me a Unidade,

onde pura e simplesmente

“Eu Sou quem eu sou”...



ValériaC

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails